Seguidores

Meu Outro Blog de Decor

terça-feira, 16 de agosto de 2016

LIVRO O Mágico de Oz

Bom dia! Mais uma resenha de um livro super bacana: O mágico de Oz (L Frank Baum). 
SINOPSE:

O mágico de Oz nos conta a história da Dorothy Gale, uma orfã que vivia com seus tios e seu cachorro chamado Totó.
Num dia cinzento, um ciclone acaba por se centralizar bem sobre a casa de Dorothy. Enquanto seus tios conseguem entrar no porão que servia de abrigo para tempestades, Dorothy e seu cãozinho se atrasam e ficam para trás dentro da casa que agora é levantada e levada pelo ciclone e depois de muito rodopiar até chegar a terra de Oz.
chegando lá, Dorothy enconta Glinda, a bruxa boa do Norte, que lhe explica que  Dorothy matou a bruxa malvada do Leste ao aterrizar tua casa bem em cima desta.
É aí que Dorothy recebe os sapatinhos prateados que eram da bruxa má (no filme são de rubis) e Glinda lhe dá um beijo na testa , deixando a marca da proteção enquanto Dorothy ruma para a cidade das Esmeraldas, onde vive o grande mágico de Oz onde só ele poderá lhe enviar de volta para o Kansas.
E aí a história se desenrola pelo caminho dos tijolinhos amarelos, onde Dorothy conhece o espantalho o homem de lata e o leão covarde que se juntam a ela numa grande aventura.

MINHA OPINIÃO:

Gente, todo mundo já conhece ou pelo menos já ouviu falar dessa linda história do filme de 1939, estrelado por Judy Garland. História do tipo Alice no País das Maravilhas e Peter Pan, que me enche nosso coração e faz ele ficar quentinho. 
Muito bacana ler sobre personagens já conhecidos como o espantalho, o homem de lata e o leão covarde, porque conhecemos mais características deles e o enredo se torna tão marcante e especial. A partir do encontro desses 4 personagens, eles embarcam numa aventura até a conclusão da história de cada um.
É uma leitura complexa, levando em conta as problemáticas de todos os acontecimentos narrados. Porém o maior destaque para esse volume é que a escrita é totalmente acessível para as crianças, afinal de contas é um universo fantástico para explorar o divertimento, a imaginação e a criatividade.
Conhecer o filme de 1939 (umas das adaptações mais conhecidas), foi muito bacana, principalmente comparando o livro a ele.
O começo do livro, narra um pouco de como é a vida de Dorothy na fazenda, e a principal adjetivação é a palavra "CINZA". O autor descreve tudo o que envolve Dorothy como sendo cinza, o que podemos interpretar como monotonia e tristeza, até. No filme, eles retratam todo o começo da história na fazenda em tons de sépia, mas quando Dorothy chega a terra de Oz, ao sair da casa, encontra um mundo novo e colorido. E a linguagem é universal, atingindo tanto adultos como crianças. Nos faz pensar nas atitudes e situações. Nos traz uma mensagem de esperança e amizade!
Legal é ler o livro e ver o filme (1939) porque como sempre, no livro contém mais fatos que nos explicam muita coisa e deixam outras nas entrelinhas.
É um clássico que SUPER RECOMENDO!!! 
Beijos e fiquem com Deus.
Simone Bitar


Postar um comentário

0022 - Meu Blog Selecionado Pelo VEJABLOG

0022 - Meu Blog Selecionado Pelo VEJABLOG
Seleção dos Melhores Sites e Blogs do Brasil

Participo

Eu Participo!

OMundoDeCaliope

Faço Parte!

Eu participo

Sou Sócia!.....1705

Sou Sócia!.....1705